Pesquisar neste blog

ANTES DE SAIR DESTE BLOG CLIC NUMA DE NOSSAS PUBLICIDADES

ACONTECENDO VOCÊ FICA SABENDO, AQUI:

quinta-feira, 20 de junho de 2013

AS ARMADILHAS DOS EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS NO SERVIÇO PÚBLICO


Olá, estou de volta depois de um tenebroso outono e muitas coisas já se passaram aqui em nossa terrinha.  Hoje pelo visto e divulgado pelo Face, a partir das 17hs,   haverá aqui em Antonina uma manifestação pública em torno do Jeketi na Cel. Macedo e com certeza vão passar pelas sedes da Câmara e da Prefeitura. Espero que a manifestação seja ordeira e pacifica,sem paixões politicas,  pois a polícia estará de prontidão e de olho...Então trago abaixo um assunto que vem atormentando o funcionalismo público tronando-o refém dos bancos e financeiras, leiam e tirem as suas conclusões:   



Virou verdadeira febre o tal empréstimo consignado. Os servidores públicos e os aposentados do INSS se tornaram presa fácil dessa armadilha montada pelo governo federal, que passou a autorizar o desconto em folha de empréstimos tomados junto à rede bancária. As instituições financeiras são vorazes nessa hora e não dão a mínima para a ética. Querem mesmo é colocar em prática a agiotagem oficializada com risco zero.
Nesse caso, os bancos emprestam dinheiro para os servidores, sem limite na taxa de juros, e recebem as parcelas sem nenhuma inadimplência, já que o poder público lhes passa, no dia combinado, um cheque com o valor das prestações. Para laçar suas vítimas, os bancos utilizam das mais variadas fórmulas, muitas absolutamente ilegais. Não se sabe como, por exemplo, conseguem a listagem dos servidores públicos e aposentados do INSS.
Repassam essa listagem com os dados sigilosos dos servidores e aposentados para os inescrupulosos representantes dos bancos que, claro, vão atrás das suas vítimas. O Poder Judiciário já conteve parte dos abusos em relação a oito bancos, que desde 2006 só podem fazer tal contratação de empréstimo consignado mediante contrato por escrito. Essa providência impediu empréstimos via telefone, situação que não dava ao servidor ou aposentado a chance sequer de ler o que estava contratando.
Mas os bancos continuam a desrespeitar o Código do Consumidor quando não informam corretamente o valor total do empréstimo, a taxa de juros e outros dados importantes. Também os descontos que a lei prevê quando o tomador do empréstimo resolve antecipar a quitação das parcelas. Em países sérios, a propaganda de empréstimo é absolutamente proibida, já que o chamado super endividamento pode levar o cidadão ao suicídio.
Aqui tudo é liberado e a farra dos bancos é flagrante. Utilizam-se de personalidades famosas - de novela por exemplo - para convencer o consumidor a contratar o empréstimo. No centro das grandes cidades, é aterrorizante o número de "vendedores" dos tais empréstimos consignados. Nos pequenos municípios, a situação é caótica, já que todo o dinheiro que movimentaria o mercado e aqueceria a economia local hoje já não existe mais.
Vai tudo para o banco, e os aposentados já não têm mais recursos para sequer comprar remédios. Será que o governo ainda não percebeu os males desse empréstimo consignado? É tão grave que as providências contra essa armadilha devem ser tomadas o mais rápido possível, sob pena de agravar ainda mais a dramática situação dos servidores públicos e dos aposentados, todos enganados por essa maquinação criada exclusivamente pelo governo federal.

ENTÃO, CUIDADO NÃO CAIA NESSA ARMADILHA SEM ANTES PLANEJAR E MUITO BEM PLANEJADO.
By a todos.